Notícias | Dia a dia
Britânica de 8 dedos fica com vaga no Australian Open
13/01/2021 às 10h46

Aconselhada a não seguir no tênis, Jones quis provar para os médicos que estavam errados

Foto: LTA

Dubai (Emirados Árabes) - Nascida com displasia ectrodactilia ectodérmica, a britânica Francesca Jones se mostrou um exemplo de superação. A tenista de 20 anos, que tem apenas quatro dedos em cada mão, conseguiu se classificar para o Australian Open ao furar o qualificatório. A vitória que a garantiu na chave veio nesta quarta-feira, superando a chinesa Jia-Jing Lu com parciais de 6/0 e 6/1.

Jones tem apenas três dedos no pé direito, quatro no esquerdo e três dedos e um polegar em cada uma das mãos, o que não a impediu de continuar com o sonho de ser uma tenista profissional. Atual 241 do mundo, seu melhor ranking até então, ela já conquistou cinco títulos no circuito ITF e vai agora para a disputa do primeiro Grand Slam de sua curta carreira.

Em declarações para a ITF, a jovem britânica afirmou que o tênis o ajudou a definir novos desafios. “Fui aos médicos e eles me disseram que eu não poderia jogar tênis por causa de minha condição. Então decidi que iria provar que eles estavam errados”, disse Fran Jones.

“Tenho grandes objetivos a alcançar e quero mudar a perspectiva das pessoas. Às vezes você tem a simpatia das pessoas, só que também há o ódio. Mas eu nunca me preocupei muito com o que as pessoas pensam de mim, pois não acho que minha condição defina quem eu vou ser”, completou Jones, que como boa britânica tem o sonho de um dia poder jogar Wimbledon.

Comentários
Loja - livros
Suzana Silva