Notícias | Dia a dia
Covid assusta britânicos, Edmund desiste da Austrália
09/01/2021 às 18h19

Londres (Inglaterra) - Após tensas 24 horas para alguns dos mais importantes tenistas britânicos do momento, o atual número 2 do país, Kyle Edmund, foi forçado a desistir do Aberto da Austrália.

O atual 48º do mundo segue com problema contínuo no joelho. Ele terminou 2020 com cinco derrotas consecutivas - a última das quais foi contra o número 127 do mundo Jason Jung - e não conseguiu se recuperar durante a pré-temporada. "Infelizmente meu joelho não está totalmente pronto para competir na Austrália. Espero voltar em breve", sintetizou.

Já alguns de seus compatriotas, como Andy Murray e Daniel Evans, enfrentaram uma espera nervosa após um teste positivo para coronavírus ter sido detectado entre um frequentador no National Tennis Centre (NTC), onde a equipe britânica treinou arduamente nos últimos dias.

Segundo um porta-voz da Liga, o caso positivo em Roehampton forçou todos os presentes no NTC a aguardarem que um rastreamento de contato fosse feito. "Um indivíduo usando o NTC retornou um resultado de teste Covid-19 positivo. Estabelecemos processos para essa eventualidade e rastreamos aqueles que estiveram em contato com o indivíduo, os entrevistamos e pedimos que se isolassem por 10 dias. Fizemos limpeza profunda para garantir que o NTC permaneça um local seguro sem Covid".

Comentários
Loja - livros
Suzana Silva