Notícias | Dia a dia
Suspensão russa não tira tenistas dos Jogos de Tóquio
17/12/2020 às 19h28

Lausanne (Suíça) - Nesta quinta-feira foi divulgado o tão aguardado resultado do julgamento da Rússia e o escândalo de doping evolvendo o país. Depois de apelar à Corte Arbitral do Esporte (CAS), os russos tiveram sua pena reduzida até o fim de 2022, mas seguirão sem poder competir em eventos como os Jogos Olímpicos e a Copa do Mundo da Fifa.

"O painel do CAS determinou por unanimidade que a Rusada (Agência de Antidoping da Rússia) não está em conformidade com o Código Anti-Doping Mundial (WADC) em conexão com sua falha em obter a entrega dos dados subjacentes para a Wada (Agência Mundial Antidoping)", comunicou o tribunal.

A Rússia poderá voltar a disputar os Jogos Olímpicos de Paris em 2024, ao contrário do que exigia a Wada, que defendia a suspensão por quatro anos. Isso, porém, não impedirá que os tenistas russos ou qualquer outro atleta do país compita nos Jogos de Tóquio, apenas forçará os atletas a disputarem o evento sob bandeira neutra.

Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva