Notícias | Dia a dia
Organização do AO confia que definição sairá logo
01/12/2020 às 09h04

Melbourne (Austrália) - A Tennis Australia tenta dissipar os temores de que o Australian Open do próximo ano possa ser cancelado enquanto mantém as conversas prolongadas com o governo de Victoria sobre as condições de quarentena para jogadores que chegam do exterior.

Segundo informa o Sydney Morning Herald, em um comunicado, o órgão regulador informou que está trabalhando "produtivamente" com as autoridades e que "muito em breve" finalizará os detalhes do primeiro Grand Slam da temporada, inclusive quando os ingressos estarão à venda.

O comunicado veio em resposta após comentários do chefe do torneio Craig Tiley em um almoço de negócios privado em Melbourne na manhã de terça-feira, onde ele teria dito que havia uma chance do Australian Open ainda poder ser cancelado.

De acordo com as fontes ouvidas pelo jornal australiano, Tiley estava simplesmente repetindo o que afirmou consistentemente nos últimos meses, que na melhor das hipóteses o torneio ocorrerá com público de até 75% da capacidade na data programada e na pior das hipóteses o evento não ocorrerá de forma alguma.

Comentários
Loja - livros
Suzana Silva