Notícias | Dia a dia
Meligeni dá salto e comanda subidas dos brasileiros
30/11/2020 às 09h29

Felipe Meligeni entrou para o top 300 com uma subida de 64 colocações com o título em SP

Foto: Marcello Zambrana/DGW

Miami (EUA) - Depois de algumas semanas sem muitas mudanças no ranking dos brasileiros, nesta segunda-feira alguns deles conseguiram boas subidas, com destaque para o paulista Felipe Meligeni, que com a conquista do challenger de São Paulo, o primeiro da carreira, deu um salto de 64 colocações e agora já é o 242º do mundo e o quarto melhor do país.

À frente de Felipe estão apenas o cearense Thiago Monteiro (84º), o paranaense Thiago Wild (115º), que não tiveram suas posições alteradas, e o mineiro João Menezes, que foi até as semifinais no saibro paulistano e com isso ganhou oito lugares na ATP, retornando ao top 200 na 196ª colocação.

Também aproveitaram as vitórias conquistadas na semana passada o paulista Thomaz Bellucci, que ganhou seis lugares e agora é o 282º, o também paulista Pedro Sakamoto, que subiu 18 posições e foi para a 290ª, e o gaúcho Orlando Luz, que agora é o 309º do mundo, seis postos acima do que ocupava na lista anterior.

O gaúcho Guilherme Clezar lidera os brasileiros que perderam terreno, caindo de 268º para 270º. Também foram para baixo o gaúcho Oscar José Gutierrez (403º), o paulista Rogério Silva (446º), o paulista Bruno Santanna (450º) e o gaúcho Rafael Matos (504º).

Um pouco mais embaixo, o paulista Mateus Alves viu serem computados os pontos do título de duas semanas atrás, na Grécia, e com isso ganhou 39 posições, indo para a 545ª, a melhor da carreira. No próximo ranking ele ganhará mais seis lugares pela semi feita na semana passada.

Outro jovem brasileiro que ganhou terreno foi o pernambucano João Lucas Reis, que furou o qualificatório em São Paulo e caiu na estreia. Com essa campanha ele subiu 18 lugares e foi para o 556º posto.

Mas o maior salto disparado desta semana ficou com o paulista Matheus Pucinelli, que saiu do quali e foi até as quartas em São Paulo e com isso ganhou incríveis 267 lugares no ranking, indo para a 669ª colocação, a melhor na carreira do tenista de apenas 19 anos.

Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva