Notícias | Dia a dia
Meligeni luta até o fim, busca virada e faz semifinal
27/11/2020 às 13h38

Felipe venceu mesmo após perder o primeiro set e estar com 0/2 abaixo no terceiro

Foto: Marcello Zambrana/DGW

São Paulo (SP) - Nesta sexta-feira o paulista Felipe Meligeni Alves mostrou que puxou o tio famoso e lutou até o final para conseguir uma suada virada no challenger de São Paulo. Ele saiu perdendo do cazaque Dimitry Popko, cabeça de chave número 5, não desistiu e acabou conquistando uma grande vitória com parciais de 1/6, 6/3 e 6/3, depois de 2h16 de confronto.

Felipe disputará pela segunda vez na carreira uma semi de challenger, algo que havia feito antes apenas no começo deste ano em Punta del Este. Com a campanha no saibro paulistano, o sobrinho de Fenando Meligeni voltará ao top 300 com um salto de 17 colocações, subindo provisoriamente para o 289º posto. Ele pode ir ao 275º lugar com a final e ao 242º com o título.

Atual 306 do mundo, o tenista de Campinas sofreu com o saque no primeiro set, salvou dois break-points no quarto game e depois amargou quebras no sexto e no oitavo. Do outro lado, Popko esteve firme nos serviços, não foi ameaçado uma vez sequer e levou a parcial sem sustos.

No segundo set, o brasileiro elevou o nível e aproveitou uma quebra logo no terceiro game para conseguir a vantagem no placar. Ele só enfrentou um break contra, no quarto game, e teve mais três chances de superar o serviço do rival cazaque, deixando escapar dois break-points no quinto, mas aproveitando um no sexto e último game.

Depois de lutar para se recuperar, Meligeni começou a terceira e decisiva parcial com o pé esquerdo e foi quebrado de cara. Ele ainda teve o serviço ameaçado de novo no terceiro game, não se abateu, confirmou e se manteve vivo no jogo. A recompensa veio com duas quebras seguidas, transformando um 0/2 e 5/2. Bastou então administrar a vantagem para fechar no primeiro match-point que teve.

Comentários
Loja - camisetas
Tennis Camp