Notícias | Dia a dia
Mesmo com vitória, Nadal diz que precisa melhorar
05/11/2020 às 18h18

Desempenho nas devoluções não agradou o espanhol

Foto: Divulgação

Paris (França) - Apesar da vitória nesta quinta-feira e da classificação para as quartas de final do Masters 1000 de Paris, Rafael Nadal sabe que precisa melhorar. Depois de ter superado o australiano Jordan Thompson, 61º do ranking, pelas oitavas de final, Nadal avaliou que seu desempenho nas devoluções foi abaixo do esperado, mas deu méritos ao rival por ter equilibrado as ações no segundo set.

"Acho que joguei um bom primeiro set. Fiz boas jogadas, muitos winners e saquei bem. E então, no segundo set, não consegui encontrar uma maneira de quebrar o saque dele. Ele começou a sacar muito bem e eu errei algumas devoluções que eu poderia fazer melhor", disse Nadal após a vitória por 6/1 e 7/6 (7-3) em 1h33 contra Thompson.

"Acho que ele aumentou muito o nível no segundo set. Ele jogou bem e merece todo o crédito", avaliou o espanhol, que chegou a salvar um set point. "Eu enfrentei apenas uma chance de quebra durante toda a partida, mas foi um set point. Isso é uma coisa positiva a respeito do meu saque".

"E nas devoluções eu acho que fui muito bem no primeiro set e poderia fazer melhor no segundo. Eu encontrei uma maneira de vencer. Acho que o segundo ponto do tiebreak teve grande importância. O mais importante é estar nas quartas de final. Fico feliz por isso", complementou o vice-líder do ranking, que luta por um título inédito em Paris.

Nadal volta a atuar nesta sexta-feira, às 14h30 (de Brasília), em duelo espanhol com Pablo Carreño Busta. Apesar de ter vencido os seis duelos anteriores, ele prega respeito ao rival, número 15 do mundo. "Preciso jogar o meu melhor tênis contra um adversário que sei que está jogando bem e com confiança. Espero estar pronto e ler bem o jogo dele, porque é disso que vou precisar".

Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva