Notícias | Dia a dia
Nadal supera mais um bom teste e vai às quartas
05/11/2020 às 15h07

Nadal chegou a salvar um set point e segue em busca de um título inédito no Masters 1000 de Paris

Foto: Divulgação

Paris (França) - Um dia depois de conquistar a milésima vitória de sua carreira profissional, Rafael Nadal garantiu seu lugar nas quartas de final do Masters 1000 de Paris. O número 2 do mundo teve um início de partida muito tranquilo contra o australiano Jordan Thompson, 61º colocado, mas viu o rival reagir a partir do segundo set. Ainda assim, Nadal definiu a disputa com parciais de 6/1 e 7/6 (7-3) em 1h33 de partida.

Nadal vinha de uma partida complicada diante do compatriota Feliciano López na última quarta-feira, quando perdeu o primeiro set e precisou buscar a virada. Desta vez, o espanhol conseguiu ser consistente desde o início e não teve o serviço quebrado em nenhum momento da partida. Entretanto, teve que salvar um set point. 

Durante o primeiro set, Nadal cedeu apenas cinco pontos em seus games de serviço e somente dois quando colocou o primeiro saque em quadra. Ele conseguiu sua primeira quebra e não demorou para ampliar a vantagem. Nas estatísticas, tinha 8 a 2 em winners e 8 erros contra 11 do rival.

O segundo set teve total domínio dos sacadores e assim permaneceu até o tiebreak. Por mais que Thompson estivesse confirmando seus games com maior tranquilidade, Nadal continuava muito firme no saque. A grande chance do australiano foi quando ele vencia por 6/5 e teve um set point, mas o espanhol venceu uma longa disputa do fundo de quadra para evitar a perda do set. 

Apesar de não ter chances de quebra durante a parcial, Nadal foi dominante no tiebreak para consolidar a vitória em sets diretos. Nadal liderou a estatística de winners da partida por 23 a 18, além de ter cometido apenas 16 erros não-forçados contra 19 do rival. O espanhol também teve bom desempenho nas subidas à rede, ao vencer 12 pontos em 15 tentativas.

Espanhol busca um título inédito em Paris
Apesar de já ter 35 títulos de Masters 1000 na carreira, um a menos que o recordista Novak Djokovic, Nadal ainda busca um título inédito na capital francesa. Ele já foi finalista do torneio em 2007, quando foi superado por David Nalbandian e atingiu outras três semifinais, uma delas no ano passado.

O adversário de Nadal nas quartas será o também espanhol Pablo Carreño Busta, número 15 do ranking, que derrotou o eslovaco Norbert Gombos por 7/5 e 6/2. Nadal venceu todos os seis duelos anteriores que fez contra Carreño Busta no circuito, com direito a dois encontros este ano, no Australian Open e no Masters 1000 de Roma. O reencontro acontece às 14h30 (de Brasília) desta sexta-feira. 

Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva