Notícias | Dia a dia
Moutet testa positivo e acaba retirado da chave
03/11/2020 às 10h58

Paris (França) - Depois do caso do britânico Joe Salisbury, que teve contato com uma pessoa diagnosticada com o coronavírus e foi retirado da chave de duplas do Masters 1000 de Paris, mesmo testando negativo, nesta terça-feira a organização do torneio confirmou o primeiro caso positivo entre os jogadores.

De acordo com comunicado divulgado, o francês Corentin Moutet deu positivo no exame para diagnosticar o vírus e por isso também foi retirado da disputa. Convidado da organização, o atleta da casa havia superado a primeira rodada de virada, batendo o lucky-loser italiano Salvatore Caruso na segunda-feira, mas agora está fora da competição.

“Seguindo a confirmação do teste positivo para Covid-19 realizado neste dia 3 de novembro, Corentin Moutet foi retirado da chave do Masters 1000 de Paris. Ele está em isolamento e os médicos do torneio, da ATP e as autoridades locais irão monitorar sua situação”, afirmou o comunicado do evento.

Este mesmo comunicado disse que o próximo oponente do francês, o croata Marin Cilic, irá avançar na chave por desistência. Com isso o campeão do US Open de 2014 é o primeiro classificado para as oitavas de final, aguardando o vencedor da partida entre o grego Stefanos Tsitsipas e o anfitrião Ugo Humbert.

Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva