Notícias | Dia a dia
Melo vira o jogo e joga a final em Viena pela 4ª vez
31/10/2020 às 15h16

Melo e Kubot buscam o terceiro título nas quadras duras e cobertas de Viena

Foto: Arquivo

Viena (Áustria) - Pela quarta vez, Marcelo Melo e o polonês Lukasz Kubot disputarão a final do ATP 500 de Viena. Bicampeões do torneio em 2015 e 2016 e vice-campeões no ano passado, Melo e Kubot garantiram lugar na decisão após a vitória sobre os alemães Kevin Krawietz e Andreas Mies, atuais bicampeões de Roland Garros, por 4/6, 6/4 e 10-8.

Aos 37 anos, Marcelo Melo já tem 34 títulos na carreira de ATP. O mineiro de Belo Horizonte disputará sua 65ª final no circuito. Este ano, ele e Kubot já foram campeões em Acapulco e finalistas em Colônia. A parceria também parou na semifinal do Rio Open. Ex-número 1 do mundo, Melo é o atual 12º colocado no ranking dos especialistas em duplas.

A final de duplas em Viena está marcada para às 7h45 (de Brasília) deste domingo. Os adversários serão os britânicos Jamie Murray e Neal Skupski. O único duelo anterior aconteceu na semifinal do ATP 250 de Winston Salem do ano passado, com vitória do brasileiro e do polonês.

Melo e Kubot ainda lutam por vaga no Finals
Ainda sonhando com vaga na chave de duplas do ATP Finals, Melo e Kubot estão em décimo lugar na corrida para Londres. Quatro parcerias já estão classificadas, mas os colombianos Robert Farah e Juan Sebastian Cabal, em nono lugar na corrida, já avisaram que não irão jogar.

Melo e Kubot tiveram o saque constantemente pressionado no primeiro set, escapando de sete break points antes da quebra ocorrida já no quinto game. No segundo set, o mineiro e o polonês salvaram mais dois break points e só quebraram no último game da parcial. Já no match tiebreak, com altos e baixos, a dupla alemã chegou a liderar por 7-5, mas os bicampeões venceram quatro pontos seguidos e fecharam o jogo no segundo match point.

Romboli é vice em challenger
Único brasileiro na chave de duplas do challenger de Marbella, Fernando Romboli ficou com o vice-campeonato do torneio no saibro espanhol. Romboli e o venezuelano Luis David Martinez perderam a final para os espanhóis Gerard Granollers e Pedro Martinez por 6/3 e 6/4. Aos 31 anos, Romboli é o 105º do ranking. Ele já tem 13 títulos profissionais de nível challenger nas duplas. A campanha até a final rende 48 pontos na ATP.

Comentários
Loja - camisetas
Arena BTG