Notícias | Dia a dia
Algoz de Djokovic, Sonego celebra 'melhor jogo da vida'
30/10/2020 às 19h26

Aos 25 anos, Lorenzo Sonego marcou sua primeira vitória contra um top 10

Foto: Divulgação

Viena (Áustria) - Protagonista da grande surpresa do ATP 500 de Viena, o italiano Lorenzo Sonego classificou a vitória desta sexta-feira contra Novak Djokovic como o melhor jogo de sua vida. O tenista de 25 anos e 42º do ranking entrou na chave principal do torneio como lucky-loser, depois de ter perdido na rodada final do quali, mas soube aproveitar a chance e já está na semifinal da competição.

"Joguei a melhor partida da minha vida! Estou muito feliz por isso", disse Sonego, que marcou as contundentes parciais de 6/2 e 6/1 contra Djokovic. O sérvio não sofria uma derrota tão dura no circuito há 15 anos, desde o Australian Open de 2005.

"Com certeza é a maior vitória da minha carreira. Novak é o melhor jogador do mundo. E hoje eu joguei muito, muito bem. Foi inacreditável", acrescentou o italiano, que conseguiu sua primeira vitória contra top 10. Ele já tem um título de ATP, conquistado na grama de Antalya, na Turquia, no ano passado.

Superior desde o início da partida, Sonego liderou com folga a estatística de winners por 26 a 7. O italiano cometeu 12 erros não-forçados na partida contra 25 do sérvio. Além disso, o jogador de 25 anos conseguiu cinco quebras de serviço e salvou todos os seis break points que enfrentou ao longo do jogo desta sexta-feira.

"Eu estava focado no meu tênis. Hoje eu saquei muito bem, devolvi bem o saque dele e joguei meu melhor tênis. Gosto das condições daqui. As quadras são muito rápidas para o meu saque. Foi tudo bem hoje", complementou o italiano, que enfrentará o britânico Daniel Evans na semifinal deste sábado. O confronto diante de Evans, 33º do ranking, é inédito no circuito profissional.

Comentários
Loja - livros
Suzana Silva