Notícias | Dia a dia
Demoliner ganha 4 posições no ranking de duplas
19/10/2020 às 13h53

Demoliner agora é o 44º do ranking e está a dez posições da melhor marca de sua carreria

Foto: Divulgação

Londres (Inglaterra) - Finalista de duplas no ATP 500 de São Petersburgo, Marcelo Demoliner ganhou quatro posições no ranking de especialistas na modalidade. O gaúcho de 31 anos é agora o 44º colocado e tenta se aproximar da melhor marca da carreira, que foi o 34º lugar obtido em 2017.

Parceiro de Demoliner, o holandês Matwe Middelkoop subiu 11 posições e agora é o 50º colocado. O veterano de 37 anos já chegou a ser número 30 do ranking há pouco mais de três temporadas.

O mineiro Marcelo Melo, que foi finalista em Colônia, permanece no 12º do ranking. O ex-número 1 do mundo divide a posição com seu parceiro, o polonês Lukasz Kubot. Melo está tão bem colocado que os 150 pontos obtidos no torneio alemão sequer figuram entre seus 18 melhores resultados.

O melhor brasileiro segue sendo o mineiro Bruno Soares, campeão do US Open e finalista de Roland Garros nos últimos meses. O experiente mineiro de 38 anos é o número 6 do mundo, logo atrás de seu parceiro, o croata Mate Pavic.

O líder do ranking mundial é o colombiano Robert Farah, seguido pelo parceiro Juan Sebastian Cabal. Os dois têm a mesma pontuação, mas Farah disputou um torneio a menos. Na semana passada, eles foram finalistas do ATP 250 da Sardenha, no saibro italiano. No teste que fizeram depois da partida final, que eles perderam para o neozelandês Marcus Daniell e o austríaco Philipp Oswald, Cabal testou positivo para a Covid-19.

Comentários
Raquete novo
Suzana Silva