Notícias | Dia a dia | Roland Garros
Moyá diz que Nadal tirou lições da derrota em Roma
08/10/2020 às 07h59

Nadal perdeu para Schwartzman em Roma e agora terá a oportunidade de revanche em Paris

Foto: ATP

Paris (França) - Superado nas quartas de final do Masters 1000 de Roma pelo argentino Diego Schwartzman, o espanhol Rafael Nadal voltará a enfrentá-lo em Roland Garros, agora pelas semifinais do torneio. Técnico do atual número 2 do mundo, o compatriota Carlos Moyá acredita que o pupilo tirou lições importantes da derrota e estará mais forte agora.

O duelo em Roma foi muito estranho, pois Rafa havia vencido duas partidas muito boas contra adversários poderosos”, afirmou Moyá em entrevista para o Eurosport. Depois de amargar um resultado negativo no Foro Itálico, ele confia na capacidade de Nadal, agora com mais partidas disputadas, mostrar um nível ainda maior e sair com a vitória desta vez.

“Contra o Schwartzman foi a primeira vez que teve problemas no placar e não o administrou totalmente bem a nível físico ou mental. Aprendemos com aquele momento e agora ele está em um ótimo nível e com muitos jogos a mais. Será uma batalha mental dura e acho que temos algumas armas que permitirão que Rafa dispute com garantias”, complementou.

Até então já foram 10 os confrontos entre o canhoto de Mallorca e o argentino, com ampla vantagem para Nadal. A derrota sofrida em Roma foi a única do espanhol, que levou a melhor nos outros nove encontros, tendo perdido apenas dois sets. Em Roland Garros será a segunda vez que se encaram, com vitória por 3 sets a 1 de Rafa nas quartas de final de 2018.

Comentários