Notícias | Dia a dia | Roland Garros
Rublev se garante nas oitavas e sonha com top 10
03/10/2020 às 08h41

Rublev mostra grande versatilidade nos pisos, com dois títulos no sintético e um no saibro em 2020

Foto: ATP

Paris (França) - Na melhor temporada de sua curta carreira, o russo Andrey Rublev não para de marcar façanhas pessoais. Neste sábado, passou pela primeira vez para as oitavas de final de Roland Garros, ao superar com facilidade o sul-africano Kevin Anderson, com parciais de 6/3, 6/2 e 6/3.

Para tentar repetir sua melhor campanha em Grand Slam, que foram duas presenças nas quartas do US Open, o russo de 22 anos aguarda quem passar do jogo entre Thiago Monteiro e o húngaro Marton Fucsovics.

Com 28 vitórias em 34 jogos na temporada, currículo inferior apenas a Novak Djokovic, Rublev também está com um pé no top 10. Ele apareceu pela primeira vez entre os 20 melhores em janeiro, ao ganhar Adelaide e Doha e atingir oitavas na Austrália.

Alcançou o inédito 12º posto com o título de uma semana em Hamburgo. Ele provisoriamente avança para o 10º lugar, mas ainda depende do desempenho de concorrentes diretos, como Roberto Bautista e Diego Schwartzman.

Treinado pelo espanhol Fernando Vicente, Rublev sentiu dificuldade na adaptação na chegada a Paris vindo de Hamburgo e quase perdeu na estreia para Sam Querrey, saindo de dois sets atrás. Depois, tirou o jovem espanhol Alejandro Fokina, por 3 a 1.

A vitória deste sábado contra Anderson foi bem tranquila. Apesar de o sul-africano ter anotado 13 aces, no geral foi dominado nas trocas mais longas de bola e não conseguiu boa leitura do bom serviço de Rublev, sem obter uma única chance de quebra.

Rublev não competiu nas duas últimas edições de Roland Garros, primeiro devido a uma demorada lesão nas costas e depois com problema no punho.

Comentários