Notícias | Dia a dia
Canadense de 18 anos avança e desafia Kvitova
01/10/2020 às 12h48

Leylah Fernandez chegou recentemente ao top 100 e faz seu melhor resultado em Slam

Foto: Tennis Canada

Paris (França) - Campeã juvenil de Roland Garros no ano passado e considerada uma das grandes promessas da nova geração do circuito, a canadense Leylah Fernandez chega pela primeira vez à terceira rodada de um Grand Slam. A canhota de 18 anos surpreendeu a eslovena Polona Hercog, 47ª do ranking e dona de três títulos de WTA no saibro, com parciais de 6/4, 3/6 e 6/1.

As três participações em chaves principais de Grand Slam de Fernandez aconteceram neste ano. A canadense furou o quai do Australian Open e caiu na segunda rodada do US Open. Atual número 100 do mundo, ela agora terá a missão de desafiar a 11ª colocada Petra Kvitova em busca de uma vaga nas oitavas.

Fernandez começou a temporada como 209ª do ranking e chegou em setembro ao top 100. Entre os principais resultados estão a final do WTA de Acapulco e as quartas em Monterrey, além de ter conseguido três grandes vitórias. Uma delas foi contra a top 10 Belinda Bencic na Fed Cup, as outras diante de Sloane Stephens em Acapulco e Lexington.

Burel vence duelo de jovens, Tauson cai
Outra jovem jogadora a garantir vaga na terceira rodada é a convidada francesa Clara Burel, apenas 415ª do ranking. A jogadora de 19 anos e ex-líder do ranking mundial juvenil venceu um confronto da nova geração contra a eslovena Kaja Juvan, que tem a mesma idade, mas já é a 103ª do mundo e algoz de Angelique Kerber. Burel marcou as parciais de 7/6 (8-6) e 6/2 e vai enfrentar a chinesa Shuai Zhang, que bateu a anfitriã Alizé Cornet por 6/4 e 7/6 (7-3).

Também nesta quinta-feira, a dinamarquesa Clara Tauson se despediu de Roland Garros. Vinda do qualificatório e algoz de Jennifer Brady na estreia da chave principal, a jogadora de 17 anos e 187ª do ranking caiu diante da norte-americana Danielle Collins por 6/2 e 6/3. Collins, 57ª do mundo, espera pelo jogo entre a espanhola Garbiñe Muguruza e a canhota tcheca Kristyna Pliskova.

Comentários
Raquete novo
Suzana Silva