Notícias | Dia a dia | Roland Garros
Wawrinka não dá chances e bate Murray em 3 sets
27/09/2020 às 14h40

Wwrinka anotou sua nona vitória em 21 jogos contra Murray

Foto: ATP

Paris (França) - Na partida mais aguardada do primeiro dia de Roland Garros, o suíço Stan Wawrinka foi dominante em quadra e não deu muitas chances ao britânico Andy Murray, que conseguiu vencer apenas seis games em todo o jogo, caindo em sets diretos e com placar final de 6/1, 6/3 e 6/2, após 1h37 de confronto.

Em sua primeira aparição no Grand Slam francês desde 2017, quando foi eliminado pelo próprio Wawrinka em uma semifinal disputadíssima, Murray não disputava uma partida no saibro justamente desde então e acabou não conseguindo fazer grande frente ao suíço neste duelo de dois campeões de Grand Slam.

No primeiro embate entre vencedores de Slam em uma primeira rodada desde 2012, quando o sérvio Novak Djokovic e o espanhol Juan Carlos Ferrero se enfrentaram na estreia em Wimbledon, o escocês não conseguiu incomodar nas devoluções, vencendo só 25% dos pontos, e também sofreu com o saque, terminando com apenas 50% de aproveitamento.

Do outro lado, Wawrinka dominou as ações em quadra, anotando 32 bolas vencedoras a mais (42 a 10) e apenas um erro não forçado a mais (27 a 27). Ele ainda somou nove aces e apenas uma dupla falta, concretizou seis dois oito break-points que teve e salvou os três que enfrentou. Seu próximo rival será o alemão Dominik Koepfer, que bateu o francês Antoine Hoang com 6/2, 3/6, 6/1 e 6/1.

Paire e Isner também avançam

Amigo do suíço de Lausanne, o francês Benoit Paire deixou para trás todo o ocorrido em Hamburgo e iniciou sua caminhada em Paris com vitória, batendo sul-coreano Soonwoo Kwon por 3 sets a 0, com placar final de 7/5, 6/4 e 6/4. Na segunda rodada, o cabeça de chave 23 enfrentará o argentino Federico Coria, que venceu o taiwanês Jason Jung com 7/5, 7/6 (8-6) e 7/6 (7-3).

O norte-americano John Isner fez valer a condição de 21º favorito e derrubou o convidado da casa Elliot Benchetrit em sets diretos, com parciais de 6/4, 6/1 e 6/3. Seu próximo adversário será o jovem compatriota Sebastian Korda, responsável pela eliminação do italiano Andreas Seppi em quatro sets, com placar final de 6/20 4/6, 6/3 e 6/3.

Comentários