Notícias | Dia a dia
Bia vence Ingrid e fatura terceiro título em Portugal
27/09/2020 às 09h30

Bia Haddad continua sua recuperação no ranking e já deve entrar na faixa das top 400

Foto: Arquivo

Porto (Portugal) - A reação de Beatriz Haddad Maia em sua volta ao circuito continua com muito sucesso e eficiência. A canhota paulista conquistou neste domingo seu terceiro título em quatro finais sobre quadras sintéticas portuguesas, o que já deve recolocá-la entre as top 400 do ranking.

Numa final entre amigas, Bia derrotou a carioca Ingrid Martins, com quem treinou durante a pandemia e tem viajado nos torneios portugueses, com parciais de 6/3 e 6/2.

Para somar sua 19ª vitória em 20 jogos nas últimas quatro semanas, Bia precisou calibrar as devoluções. Ingrid sustentou seus serviços até 3/3 no primeiro set, mas sofreu então uma quebra decisiva. Na outra série, com baixo aproveitamento do primeiro saque, novamente ficou à mercê das devoluções agressivas da canhota paulista, que obteve a vantagem de 3/1 e a segurou até o final.

Tenista de 24 anos que representa a ADK Tennis/Itamirim CC no país, mas que está no circuito universitário norte-americano, Ingrid tentava o quinto título de W15 da carreira e o terceiro da temporada. Todos os quatro vieram em Cancún, dois em 2019 e dois nesta temporada.

A carioca vinha também de três jogos seguidos em três sets. Em sua campanha no Porto, ela havia tirado a cabeça 2 Riya Bhatia nasegunda rodada. Há poucos dias, Ingrid e Bia se juntaram em duplas e conquistaram o título no W25 disputado em Figueira da Foz, também em Portugal.

Bia e Ingrid seguem na cidade do Porto, já que a paulista conseguiu convite e a carioca teve direito a 'special-exempt' para disputar o W25 desta semana, ambas devendo estrear terça ou quarta-feira.

Carol campeã
E mais um título brasileiro no W15 do Porto. A paulista Carolina Meligeni Alves e sua parceira espanhola Marina Bassols venceram a final de duplas. O jogo foi interrompido no sábado com 5/2 para a parceria de Carol no primeiro set e, no complemento, elas superaram a espanhola Julia Payola e a japonesa Himeno Sakatsume, por 6/3, 4/6 e 10-7.

Comentários
Raquete novo
Suzana Silva