Notícias | Dia a dia | Roland Garros
Medvedev vê condições de Roland Garros favoráveis
25/09/2020 às 16h44

Paris (França) - O russo Daniil Medvedev foi mais comedido ao analisar as novas condições de Roland Garros neste ano, com uma data diferente e bolas novas. Enquanto muitos acreditam que as condições serão prejudiciais, o mesmo não acontece com o número 5 do mundo, que embora não veja como uma oportunidade para ele, também sabe que pode tirar algum proveito das mudanças.

“Não vejo como uma oportunidade, uma situação em que as pessoas achem ruim e estejam reclamando, acho que o principal é o que eu estou pensando. Talvez me ajude estar um pouco mais frio e sei que as bolas menos vivas e dificultam o topspin. Assim posso jogar mais reto e pode ser uma vantagem, mas estou falando tudo isso antes de disputar uma partida”, analisou o russo.

Medvedev sabe que há um ponto positivo para seu jogo com a mudança de bolas e não vê que tenha ido tão mal no ATP 500 de Hamburgo, seu único preparatório no saibro. "É mais fácil para quem joga com mais topspin e pior para quem joga mais reto. Já tive alguns bons resultados no saibro e acho que não fui tão mal em Hamburgo, (Ugo) Humbert mostrou um grande tênis", comentou.

"Gosto dessas bolas e acho normal termos opiniões diferentes e isso é engraçado e interessante no nosso esporte. Acho que elas se encaixam bem no meu jogo, mas temos que ver como as coisas vão acontecer", acrescentou o número 5 do mundo.

O russo ainda lamentou as restrições impostas pela organização, mas sabe que tudo isso é em prol da saúde dos tenistas. "Estou completamente focado no torneio, mas mesmo assim Paris é uma cidade muito bonita e agora com essas regras não podemos aproveitar nada. Só que essas regras são feitas para nossa saúde", finalizou Medvedev.

Comentários