Notícias | Dia a dia
Soares e Pavic levam virada e perdem invencibilidade
18/09/2020 às 11h34

Soares e Pavic vinham de sete vitórias seguidas, mas pararam nas quartas em Roma

Foto: Fotojump

Roma (Itália) - Não deu para o mineiro Bruno Soares e para o croata Mate Pavic no Masters 1000 de Roma. Depois de sete vitórias consecutivas e o título do US Open, eles foram derrotados nesta sexta-feira pelo argentino Horacio Zeballos e pelo espanhol Marcel Granollers de virada, com parciais de 4/6, 7/6 (9-7) e 10-6.

Os algozes de Soares e Pavic curiosamente abriram e fecharam a sequência vitoriosa dos dois, uma vez que haviam sido superados pela dupla mineiro-croata na estreia em Flushing Meadows, onde defendiam o vice-campeonato.

Classificados para as semifinais, Zeballos e Granollers ainda não sabem quem enfrentarão na próxima fase. Os cabeças de chave 4 esperam pelos vencedores da partida quede um lado terá os convidados da casa Lorenzo Sonego e Andrea Vavassori e do outro a parceria do australiano John Peers com o neozelandês Michael Venus.

Com uma quebra logo no terceiro game, o mineiro e o croata levaram o primeiro set, salvando dois break-points no sexto antes de fechar. Bruno e Mate chegaram a ter vantagem também na segunda parcial, mas logo após anotarem a quebra, no quinto game, eles viram os rivais devolvê-la no game seguinte.

Sem novas quebras, a decisão foi para o tiebreak em que Granollers e Zeballos salvaram um match-point e aproveitaram o segundo set-point que tiveram, o quarto no geral, para assim empatar o jogo. No match-tiebreak que definiu os vencedores, o espanhol e o argentino conseguiram três minibreaks a favor e tiveram um só contra, decretando a virada.

Comentários
Raquete novo
Suzana Silva