Notícias | Dia a dia
Fed Cup passa a se chamar Copa Billie Jean King
17/09/2020 às 13h57

Londres (Inglaterra) - Principal competição por equipes do tênis feminino, a Fed Cup vai mudar de nome na próxima temporada. A Federação Internacional de Tênis (ITF) confirmou nesta quinta-feira que o torneio será chamado de Copa Billie Jean King, em reconhecimento à ex-número 1 do mundo e pioneira do tênis feminino profissional.

A Fed Cup é a competição anual do esporte feminino no mundo. A edição de 2020 contou com 116 países participantes. Muito embora, as campeãs só sejam conhecidas no ano que vem, em razão da pandemia da Covid-19. Esta é a primeira vez que um evento dessa magnitude recebe o nome de uma mulher. A fase final terá 12 países e será disputada em Budapeste, na Hungria, em 2021. Durante a etapa decisiva do torneio, será distribuída uma premiação de 12 milhões de libras esterlinas, equivalente ao prêmio da Copa Davis.

+ WTA celebra os 50 anos do tênis feminino profissional
+ Brasil enfrentará polonesas e libaneses só em 2021
+ Grupos da fase final da Fed Cup são definidos

A escolha do nome se dá pelas posturas de Billie Jean King dentro e fora de quadra. Ela sempre se dedicou ao máximo à competição, sete títulos da Fed Cup como jogadora e quatro como capitã, sendo que em uma das conquistas ela acumulou as duas funções. Dessa forma, ela é a mulher com maior número de títulos na história do evento. Além disso, a norte-americana é também uma ativista global pela igualdade e dedicou sua vida ao combate à discriminação em todas as suas formas. Segundo a ITF, os valores que ela representa sintetizam o espírito do torneio.

"Nada se compara à sensação de representar o seu país e fazer parte de uma equipe. Por isso esta competição é tão especial e importante para mim", disse Billie Jean King, em comunicado. "É uma honra ter a Copa do Mundo deotênis feminino com meu nome e uma responsabilidade que não vou assumir levianamente. Nosso trabalho é compartilhar esta visão com as futuras gerações de meninas, porque se você pode ver, você pode ser".

Cinco décadas de tênis feminino profissional
Além disso a mudança de nome é também uma homenagem aos 50 anos do tênis feminino profissional. Billie Jean King teve atuação decisiva no chamado Original Nine, grupo de nove jogadoras que foram as primeiras a assinar contratos profissionais no esporte, em setembro de 1970. A criação dos primeiros torneios do circuito foi o embrião para a fundação da WTA três anos mais tarde, em 1973.

Vice-presidente da ITF e presidente do comitê da Fed Cup, Katrina Adams disse: "Esta mudança representa um momento significativo em nosso esporte. A Copa Davis tem o nome de um homem, então é absolutamente certo que a Copa do Mundo do tênis feminino tenha o nome de uma mulher", explicou Adams, que também é e presidente do Comitê de Igualdade de Gênero no Tênis da Federação Internacional. "Considerando tudo o que ela conquistou em nosso esporte e seus esforços incansáveis para defender a igualdade, ninguém seria mais digna desta homenagem do que Billie Jean King".

Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva