Notícias | Dia a dia
Bia continua imparável, vence outra e faz quartas
10/09/2020 às 11h09

Figueira da Foz (Portugal) - Continua a grande volta da paulista Beatriz Haddad Maia ao circuito após 13 meses de afastamento, sendo 10 deles cumprindo suspensão por doping. Nesta quinta-feira, ela venceu a sétima seguida e se garantiu nas quartas de final do W25 de Figueira da Foz, batendo a japonesa Yuriko Miyazaki de virada, com parciais de 3/6, 6/2 e 6/1.

A próxima adversária da canhota paulistana sairá do confronto entre a britânica Jodi Anna Burrage, cabeça de chave número 6 e sua vítima na final do torneio de Montemor, na semana passada, e a egípcia Sandra Samir.

Bia saiu atrás contra Miyazaki, perdendo o primeiro set com uma quebra solitária, mas na segunda parcial ela foi melhor, conseguiu três breaks a seu favor, perdeu o saque apenas uma vez e assim empatou o jogo. No terceiro e decisivo set, ela dominou as ações e cedeu apenas um game para a rival japonesa.

Pigossi cai nas oitavas, duplas avançam
Outra brasileira que esteve em ação nesta quinta no torneio português foi a paulista Laura Pigossi, que depois de furar o quali e superar a primeira rodada na chave principal, acabou sucumbindo na sequência, derrotada em sets diretos pela espanhola Georgina Garcia, quinta favorita, com o placar final de duplo 6/3.

Nas duplas, as brasileiras estão em ótimo momento. Bia Haddad Maia e a carioca Ingrid Martins venceram a holandesa Arianne Hartono e a japonesa Yuriko Lily Miyazaki por 6/4 e 6/1. Elas enfrentam as espanholas Marina Bassols Ribera e Nuria Parrizas-Diaz.

Já Carolina Meligeni Alves e a grega Valentini Grammatikopoulou venceram a lituana Justina Mikulskyte e a japonesa Ramu Ueda. As próximas adversárias serão a sueca Jacqueline Cabaj Awad e a portuguesa Inês Murta.

Comentários
Raquete novo
Suzana Silva