Notícias | Dia a dia
Ferrer revela ter aceitado Zverev só na 3ª tentativa
27/08/2020 às 09h46

Madri (Espanha) - Novo técnico do alemão Alexander Zverev, o espanhol David Ferrer falou sobre seu novo trabalho em entrevista ao Punto de Break, na qual disse não apenas ter gostado muito do período que passou treinando o atual número 7 do mundo, mas também se impressionou com seu profissionalismo, ainda que a parceria anterior com Juan Carlos Ferrero tenha mostrado outra coisa.

Ferrer contou ter conversado com o compatriota antes de aceitar o período de testes. “Foi a primeira pessoa para quem liguei, pois somos amigos íntimos. Talvez Sascha naquela época não tivesse as mesmas facilidades ou a maturidade que tem agora”, revelou o ex-tenista profissional, que não estará com o alemão nos torneios norte-americanos, mas deverá estar no saibro europeu.

+ 'Ferrer está superando todas as expectativas', diz Zverev
+ Zverev não terá Ferrer ao seu lado no US Open

“Estarei com ele em alguns torneios pela Europa e depois veremos o que acontece. Roma, Roland Garros, Paris-Bercy e o ATP Finals, se ele os jogar, é claro. Não vou viajar todas as semanas. Continuo trabalhando para o ATP 500 de Barcelona como diretor e isso é prioridade. Mais tarde, quando a temporada terminar, tanto Alexander quanto eu decidiremos se queremos ou não continuar trabalhando juntos”, comentou Ferrer.

O espanhol explicou por que decidiu aceitar a proposta de Zverev e falou que o alemão é um jogador que sempre chamou a atenção. “Houve outras propostas, mas ele me ligou três vezes para perguntar se eu poderia ser seu treinador. Nas duas primeiras eu disse que não, que tinha outras coisas em mente, mas durante o confinamento me ligou de novo. Gostei disso, que foi ele quem me procurou e me incentivou a tentar”, disse Ferrer.

“Passei quatro semanas treinando com Zverev, as primeiras duas em testes e as duas seguintes oficialmente. Estou feliz com a experiência, não tenho do que reclamar. Vi que estávamos bastante de acordo na forma de jogar, no padrão. Depois descobri também sua forma de trabalhar, o que me surpreendeu muito. Ele é muito profissional, tanto fisicamente quanto na quadra”, analisou o espanhol.

Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva