Notícias | Dia a dia
Ostapenko e Suárez desistem do US Open, jovens entram
24/08/2020 às 21h59

Nova York (EUA) - A organização do US Open oficializou nesta segunda-feira as desistências da letã Jelena Ostapenko e da espanhola Carla Suárez Navarro. Campeã de Roland Garros em 2017, Ostapenko já havia declarado anteriormente que não pretendia disputar o torneio. Já Suárez Navarro fez o anúncio em seu perfil no Twitter.

"Infelizmente, tive que me retirar do US Open por motivos de saúde. Não estou pronta para competir no momento, então estou seguindo as orientações médicas. Tudo de bom para quem vai competir em Nova York. Espero vê-los em breve!", disse a veterana espanhola de 31 anos e atual 69ª colocada. A ex-top 10 pretendia se aposentar no fim da temporada.

As duas desistências acabaram beneficiando três jogadoras, incluindo duas jovens promessas do tênis norte-americano. A vaga de Suárez Navarro ficou com a japonesa Kurumi Nara, enquanto Ostapenko deu lugar à promissora anfitriã de 18 anos e 143ª do ranking Whitney Osuigwe, que entra diretamente na chave.

Mas como Osuigwe já havia recebido um convite dos organizadores, a direção do torneio acabou premiando outra jovem atleta. A escolhida foi Katrina Scott, de apenas 16 anos, que fez parte do grupo campeão da Fed Cup Junior no ano passado.

Comentários
Loja - camisetas
Torneio Teodózio