Notícias | Dia a dia
Pandemia forçou o novo penteado de Raonic
23/08/2020 às 11h01

Raonic abusou dos aces na vitória em dois sets em cima de Querrey

Foto: ATP

Nova York (EUA) - Gel à vontade para jamais despentear os cabelos durante a partida tem sido marca registrada de Milos Raonic nos últimos anos de circuito.

Por isso, causou surpresa ver o canadense com cachos soltos em sua partida de estreia no Masters de Nova York, em que derrotou o norte-americano Sam Querrey por duplo 6/4.

Ele explica: "Por precaução, não tenho cortado os cabelos. Estou tendo o máximo cuidado com o coronavírus por causa dos meus pais, assim evito qualquer ação desnecessária".

Raonic afirma ter passado apenas um dia e meio com sua mãe desde o Australian Open e que sequer viu seu pai neste ano. Em Nova York, também optou por uma casa particular ao invés de ficar nos dois hotéis oficiais dos jogadores. No complexo, fica quase o tempo inteiro na suíte reservada aos tenistas e conta que só foi ao vestiário para um banho de 10 minutos.

"Continuarei a tomar todos esses cuidados", garante. "Não apenas aqui por causa dos protocolos de segurança, mas também em Roma e em Roland Garros, que são os torneios que pretendo disputar na Europa. Quaisquer que foram as condições, estou comprometido a manter as medidas de segurança".

Com a raquete na mão, Raonic continuou fazendo o seu melhor: disparou 19 aces e ganhou 87% dos pontos em que acertou o primeiro saque diante de Querrey, tendo vencido um a cada dois desses serviços bombásticos. "Tenho jogado muito bem nas últimas semanas e hoje lidei bem com uma série de coisas".

Seu adversário agora promete ser duro, já que sai do duelo entre o russo Andrey Rublev e o britânico Daniel Evans.

Comentários
Loja - camisetas
Arena BTG