Notícias | Dia a dia
Apesar de positivo, USTA confia 100% no protocolo
19/08/2020 às 09h16

Nova York (EUA) - O primeiro teste positivo para coronavírus na bolha montada em Nova York, divulgado na última terça-feira, não assusta a USTA, que segue confiante no protocolo de segurança adotado na realização do torneio de Cincinnati e do US Open, ambos disputados na mesma estrutura.

“Estamos 100% confiantes de que estamos fazendo isso da maneira certa. Não é algo que está acontecendo a qualquer custo. Somos muito disciplinados em nossa abordagem”, disse Mike Dowse, presidente da USTA, em entrevista por telefone para o jornal espanhol AS.

“Saúde e bem-estar eram prioridade número um, em segundo plano estava fazer algo pelo tênis e em terceiro organizar uma estrutura que fizessem sentido econômico para jogadores, USTA e o ecossistema do tênis em geral”, acrescentou o dirigente norte-americano.

As declarações de Dowse aconteceram horas depois de a USTA ter confirmado em comunicado o primeiro positivo para coronavírus de uma pessoa que está no ambiente controlado criado para a disputa dos dois torneios em Nova York. Ele também destacou que a USTA já contava com a possibilidade de que houvesse algum resultado positivo para coronavírus.

“Matematicamente, esperávamos ter um positivo, senão mais. Já prevíamos isso e implementamos protocolos muito específicos para evitar que (Covid-19) se espalhe”, observou o dirigente, destacando que foram feitos 1.400 testes desde o dia 13 de agosto e somente um caso positivo foi constatado até então.

Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva