Notícias | Dia a dia
Promessa canadense volta a superar Stephens
11/08/2020 às 20h12

Embed from Getty Images

Lexington (EUA) - Pela segunda vez na temporada a jovem canadense de 17 anos Leylah Fernandez conseguiu superar Sloane Stephens. Assim como havia acontecido no início de março, em Monterrey, Fernandez derrotou a ex-número 3 do mundo na estreia do WTA de Lexington, marcando um duplo 6/3 em apenas 1h13 de partida.

Fernandez é a número 120 do mundo e estava em franca evolução no circuito antes de a temporada ser paralisada por conta da pandemia da Covid-19. A jovem canadense iniciou o ano apenas na 190ª posição do ranking e já tem até uma vitória contra top 10, obtida contra a suíça Belinda Bencic pela Fed Cup em fevereiro.

Os dois últimos torneios de Fernandez antes da interrupção do circuito haviam sido muito bons. Ela saiu do quali e foi até a final em Acapulco. Logo depois, parou nas quartas em Monterrey. Para se manter em atividade, vinha disputando uma série de exibições nos Estados Unidos desde junho.

A próxima adversária de Fernandez em Lexington será a norte-americana de 27 anos Shelby Rogers, 116ª do ranking, que derrotou a japonesa Misaki Doi, 77ª colocada, por 6/4, 4/6 e 6/2. O confronto é inédito no circuito e vai acontecer na próxima quinta-feira.

Por sua vez, Stephens amarga uma temporada muito ruim no circuito. A campeã do US Open de 2017 e vice de Roland Garros em 2018 só venceu um jogo em seis torneios disputados neste ano. Ainda assim, permanece na 37ª colocação. Como o ranking ficou congelado durante a paralisação do circuito e a WTA vai considerar resultados de 22 meses, entre março de 2019 e dezembro de 2020, ela deve se manter nessa faixa de ranking, mesmo que não faça uma boa temporada.

Comentários
Loja - livros
Suzana Silva