Notícias | Dia a dia
Top 20 podem boicotar US Open devido à quarentena
06/08/2020 às 18h14

Nova York (EUA) - A indefinição a respeito de uma eventual quarentena na Europa após o US Open pode causar uma debandada do Grand Slam nova-iorquino, que começa em 31 de agosto. Além da recente preocupação do número 1 do mundo Novak Djokovic, outros integrantes do top 20 podem também poderiam desistir do torneio e priorizar a temporada de saibro na Europa.

Segundo o diário espanhol Marca, a Associação de Tênis dos Estados Unidos (USTA) e a ATP realizaram uma videoconferência com os 20 primeiros jogadores do ranking no último fim de semana. O assunto principal girou em torno das medidas que esses atletas teriam que enfrentar após o US Open.

+ Quarentena na Europa pode tirar Djoko do US Open
+ USTA expulsará quem não cumprir as rígidas normas

O governo espanhol havia liberado os tenistas que disputassem o Masters 1000 de Madri em setembro de fazerem quarentena no país. Entretanto, o torneio foi cancelado por conta do recente aumento no número de casos da Covid-19 na região. Resta agora saber se haverá alguma medida similar na Áustria ou na Itália, para o ATP 250 de Kitzbuhel ou para o Masters 1000 de Roma.

Outra medida que desagrada os jogadores diz respeito ao protocolo de segurança do US Open. Uma das regras permite eliminar qualquer jogador que tenha um membro de sua equipe infectado por coronavírus durante a competição, algo que a ATP se mostrou contra, sem ainda encontrarem uma solução.

Comentários
Loja - livros
Suzana Silva