Notícias | Dia a dia
Equipe de Osaka garante que ela vai jogar o US Open
30/07/2020 às 14h06

Japonesa também solicitou um convite para jogar o torneio preparatório

Foto: Arquivo

Nova York (EUA) - Apesar de não aparecer na lista de inscritas da principal competição preparatória para o US Open, Naomi Osaka deverá disputar o Grand Slam norte-americano. Segundo a agência Reuters, a equipe que gerencia a carreira da japonesa garante que ela estará no torneio, que começa no dia 31 de agosto.

Ainda segundo a publicação, Osaka também solicitou um convite para jogar o Premier de Cincinnati. O evento, que foi excepcionalmente transferido para Nova York, tem início em 21 de agosto e teve apenas cinco jogadoras do top 10 inscritas.

Ex-número 1 do mundo e vencedora de dois Grand Slam, incluindo o US Open de 2018, Osaka está com 22 anos e ocupa o décimo lugar do ranking mundial. A japonesa disputou apenas três torneios nesta temporada e não participou de exibições. Ela não atua desde o confronto entre Espanha e Japão pela Fed Cup, em fevereiro.

A chave feminina do US Open já tem o desfalque da número 1 do mundo Ashleigh Barty. A australiana, atual campeã de Roland Garros, declarou que não se sente segura em viajar para os Estados Unidos, num momento em que estão aumentando os casos de coronavírus no país. Barty também diz que não gostaria de colocar sua equipe em risco.

Comentários
Loja - livros
Suzana Silva