Notícias | Dia a dia
Tio Toni lembra surpresa ao ver Djokovic pela 1ª vez
10/07/2020 às 15h20

Manacor (Espanha) - Embora a primeira vez que o espanhol Rafael Nadal enfrentou o sérvio Novak Djokovic tenha sido apenas em 2006, pelas quartas de final de Roland Garros, Toni Nadal, tio e técnico do canhoto de Mallorca, já havia visto todo o potencial de ‘Nole’ um ano antes, quando este enfrentou o argentino Juan Monaco pela primeira rodada de Wimbledon.

O treinador espanhol lembrou em entrevista ao site da ATP a primeira vez que colocou os olhos em Djokovic. Toni estava andando pelas quadras do All England Club quando viu que Monaco, grande amigo de seu sobrinho, estava jogando na quadra 18 contra um garoto sérvio de apenas 18 anos.

“Eu não sabia quem era, nunca o havia visto jogar e perguntei sobre ele. Disseram que tinha 18 anos, era sérvio e já estava no top 100", lembra Toni. “Assisti ao jogo por cinco minutos e fui direto ao vestiário para conversar com meu sobrinho. Assim que cheguei, disse a ele: 'Rafael, estamos com um problema. Acabei de ver um garoto muito bom'”, completou o técnico.

Realmente Nadal teve dificuldades com o sérvio nos anos seguintes, venceu as duas primeiras partidas entre eles, mas já na terceira sofreu o primeiro revés. Djokovic já soma 29 triunfos contra o canhoto de Mallorca, que por sua vez tem três vitórias a menos que o rival no confronto direto entre eles.

Comentários
Loja - livros
Suzana Silva