Notícias | Dia a dia
Ranking da grama deixará de definir cabeças de chave
10/07/2020 às 10h55

Londres (Inglaterra) - Além de divulgar nesta sexta-feira uma premiação para os 620 jogadores que iriam disputar Wimbledon neste ano, a organização do torneio também revelou uma mudança importante para a edição de 2021 do torneio. A partir da próxima temporada a definição dos cabeças de chave não será mais através do ranking da grama.

A direção do All England Lawn Tennis Club (AELTC) decidiu que a fórmula de definição dos cabeças de chave usada desde 2002 serviu seu tempo. A partir da edição de 2021 do Grand Slam britânico a definição dos cabeças de chave no masculino será baseado apenas na classificação. O mesmo método será usado para as chaves femininas.

+ Sem Wimbledon, produtores de morango sofrem impacto
+ Wimbledon garante estar financeiramente estável
+ Veja fotos: Wimbledon vazio no que seria o 1º dia de jogos

“Desde o campeonato do ano passado, também dedicamos um tempo para considerar a evolução do esporte e os mecanismos de alocação dos cabeças de chave em Wimbledon. Dada a qualidade da competição, do entretenimento e das modernas quadras de grama, após uma discussão detalhada com os grupos de jogadores, o AELTC decidiu mudar a fórmula”, disse o comunicado do torneio.

Também foi reforçada a preocupação dos dirigentes em desenvolver maneiras de fornecer apoio e mostrar nossa gratidão às partes interessadas no tênis e aos trabalhadores na linha de frente da resposta à pandemia do coronavírus. Por fim, Wimbledon pontua que sua 134ª edição será realizada de 28 de junho a 11 de julho de 2021.

Comentários
Loja - livros
Suzana Silva