Notícias | Dia a dia
Kenin e Mattek definem a vitória em Charleston
28/06/2020 às 20h21

Série foi definida após vitória nas duplas contra Azarenka e Anisimova

Foto: Divulgação

Charleston (EUA) - Depois de chegar ao último dia da série de exibições femininas em Charleston com grande vantagem no placar, o Team Peace, da capitã Bethanie Mattek-Sands, confirmou o favoritismo e venceu a competição por equipes contra o Team Kindness, de Madison Keys.

Em dia quase inteiramente dedicado às duplas, a vitória decisiva veio com Mattek-Sands em quadra. Ela se juntou à campeã do Australian Open Sofia Kenin para vencer Victoria Azarenka e Amanda Anisimova por 6/3 e 6/4.

A vitória fez com o Team Peace chegar aos 26 pontos, com faltando apenas mais dois jogos para o fim do torneio amistoso. O Team Kindness está com 16 pontos e não pode mais alcançar a equipe adversária. As vitórias neste domingo valem três pontos para o placar final.

O último dia de jogos começou com o Team Peace vencendo por 20 a 13 e precisando de apenas duas vitórias em cinco partidas para ser declarado o campeão. Na única partida de simples da rodada, Shelby Rogers deu sobrevida ao Team Kindness ao vencer Bethanie Mattek-Sands por duplo 7/5. No entanto, a diferença voltou a ser de sete pontos depois que Eugenie Bouchard e Jennifer Brady derrotaram Madison Keys e Alison Riske por 6/3 e 6/2.

Mesmo com o placar final já definido, o domingo ainda terá mais dois jogos. A ideia dos organizadores é colocar em quadra todas as 16 jogadoras envolvidas no torneio. A australiana Ajla Tomljanovic e Caroline Dolehide (Peace) enfrentam Shelby Rogers e Sloane Stephens (Kindness). Por último, Danielle Collins e Emma Navarro (Peace) enfrentam a jovem canadense de 17 anos Leylah Fernandez e a porto-riquenha Monica Puig (Kindness).

Torneio aconteceu sem torcida
Os jogos acontecem sem a presença de público nas arquibancadas, embora técnicos e integrantes das equipes possam assistir jogos no estádio, respeitando o devido distanciamento. O número de boleiros e juízes de linha é reduzido. Eles e também os árbitros de cadeira precisam utilizar máscaras. Além disso, os voluntários utilizam tubos para recolher e entregar as bolas do jogo para as atletas, para evitar o manuseio e minimizar o risco de transmissão do coronavírus. 

Comentários
Raquete novo
Suzana Silva