Notícias | Dia a dia
Evans conquista o título na Batalha dos Britânicos
28/06/2020 às 12h48

Evans, 28º do ranking aos 30 anos, é o atual número 1 britânico e venceu cinco jogos na semana

Foto: Divulgação

Londres (Inglaterra) - O título da Batalha dos Britânicos ficou para o jogador mais bem colocado no ranking. O número 28 do mundo Daniel Evans fez valer o favoritismo e conquistou sua quinta vitória seguida na semana. Ele venceu a final contra Kyle Edmund, 44º colocado, por 6/3 e 6/2.

Embora tenha sofrido uma quebra de serviço no game de abertura, Evans foi superior durante praticamente o jogo todo, conseguindo seis quebras, três em cada parcial. O jogador de 30 anos vinha de vitórias difíceis na semana, inclusive uma virada contra Andy Murray na semifinal de sábado.

Antes da paralisação do circuito por conta da pandemia, Evans alcançou o melhor ranking da carreira. Ele tem onze vitórias e cinco derrotas na temporada, com destaque para uma semifinal em Dubai. Já Edmund, que venceu quatro jogos na semana, está com 25 anos e já foi número 14 do mundo. O britânico ganhou o ATP de Nova York em fevereiro.

Murray é técnico por um dia
Escalado para disputar a decisão do terceiro lugar neste domingo, Andy Murray preferiu não jogar. Após quatro jogos na semana, com duas vitórias e duas derrotas, o ex-número 1 do mundo não atuou contra Cameron Norrie. Murray justificou a ausência por um incômodo nas canelas, mas foi ao torneio para ser técnico de James Ward por um dia. Ainda assim, Norrie venceu o jogo por 6/3 e 7/5.

Evento beneficente tem segurança rígida
Os jogos em Londres acontecem sem a presença de público. Com rígido protocolo de segurança e exames diários para os jogadores, o evento sequer conta com boleiros ou juízes de linha. Em quadra, ficam apenas os jogadores, técnicos, árbitro de cadeira e uma equipe profissional mínima para a divulgação dos jogos, com três operadores de câmeras de TV e um fotógrafo.

evento também tem caráter beneficente e vai doar, no mínimo, 100 mil libras esterlinas para o serviço público de saúde, o NHS. Outras doações serão feitas a partir de um leilão de camisetas, raquetes e objetos utilizados pelos jogadores.

Comentários
Loja - livros
Suzana Silva