Notícias | Dia a dia
Tunisiano ficará 7 anos fora após manipular resultados
26/06/2020 às 18h38

O tunisiano Majed Kilani manipulou resultados de um future no Egito em 2016

Foto: Arquivo

Londres (Inglaterra) - O tunisiano Majed Kilani está suspenso do tênis profissional por sete anos e foi multado em US$ 7 mil depois de ser considerado culpado em acusações de manipulação de resultados. O jogador de 23 anos e 804º do ranking deve pagar US$ 1 mil por ano.

Uma investigação da Tennis Integrity Unit identificou que Kilani conspirou com terceiros para manipular resultados das partidas de um torneio de nível future da ITF no Egito em agosto de 2016. Além dos casos de manipulação de resultados, Kilani também foi considerado culpado por não cooperar totalmente com as investigações da TIU sobre as acusações de corrupção contra ele. 

O caso foi julgado pelo auditor independente anticorrupção Prof Richard McLaren. A audiência disciplinar foi realizada no dia 21 de maio por videoconferência.

Como efeito da suspensão, Kilani fica proibido de competir ou comparecer a qualquer evento sancionado, organizado ou reconhecido pelos órgãos governamentais do esporte nos próximos sete anos, com data a contar a partir de 25 de junho de 2020.

Comentários
Loja - livros
Suzana Silva