Notícias | Dia a dia
Andreescu avisa que quer superar Serena em Slam
24/06/2020 às 08h52

Toronto (Canadá) - Afastada das competições desde outubro do ano passado, quando sofreu uma lesão no joelho esquerdo durante o WTA Finals, a canadense Bianca Andreescu mostrou que não tem medo da pressão e revelou ter metas ousadas para sua carreira, mirando o recorde absoluto de títulos de Grand Slam.

“Quero superar Serena Williams e seus títulos. Também posso superar Chris Evert e Margaret Court. Quem sabe? Gosto de sonhar grande, isso me dá mais motivação para ir para quadra e continuar fazendo o que faço", disse a campeã do US Open no ano passado em entrevista à CNN.

"Dou 150% em tudo o que faço e sempre quero tentar melhorar. Dediquei muito esforço e sacrifício à minha carreira no tênis, por isso quero ser a melhor. Poder superar essas jogadoras me faria a maior de todas, mas não sei o que Deus me trará”, acrescentou a tenista de apenas 20 anos.

+ Andreescu garante que voltará ainda melhor
+ Andreescu desiste de exibição, mas joga o US Open
+ Andreescu: 'Estou tentando continuar motivada'

Andreescu comemorou a volta do tênis depois do ápice de isolamento por causa da pandemia, mas sabe que o retorno será gradual. “Eu realmente não achei que o tênis voltaria tão cedo porque é um esporte internacional, mas sinceramente, fiquei muito feliz em poder voltar ao US Open para defender meu título”, comentou a canadense.

"Sei que os envolvidos farão tudo o que puderem para nos manter seguros. Você olha para outros esportes e vê que o tênis também pode retornar”, observou a atual número 6 do mundo, que entende a ausência de público, mas não deixa de lamentá-la.

“Jogar na frente das pessoas me deixa ainda mais motivada, jogo melhor sob pressão. Sinto muito não poder ter gente nas arquibancadas, isso me ajuda na motivação. Sei que haverá pessoas nos assistindo em casa, então vou ter que mentalizar isso”, finalizou a jovem canadense.

Comentários
Loja - livros
Suzana Silva