Notícias | Dia a dia
Protocolo de isolamento do US Open é flexibilizado
16/06/2020 às 19h40

Nova York (EUA) - O rígido protocolo de segurança para a realização US Open terá algumas flexibilizações. Após discussão com os tenistas, foram definidas as medidas de isolamento e hospedagem de jogadores e integrantes de suas respectivas equipes. O polêmico ponto que limitava a equipe do tenista a apenas uma pessoa não consta no documento.

Esses protocolos valem tanto para o Grand Slam americano, que acontece entre 31 de agosto e 13 de setembro, quanto para o torneio que foi transferido de Cincinnati para Nova York, entre os dias 22 e 28 de agosto. O hotel oficial ficará disponível a patrir de 15 de agosto e o complexo de tênis Billie Jean King, em Nova York abre no dia 16.

Hospedagem
O protocolo médico do torneio já começará a ser aplicado nos hotéis. Cada jogador terá dois quartos à disposição e cada um deles abriga no máximo duas pessoas. As despesas de um quarto são pagas pela USTA, enquanto os custos do segundo quarto são de responsabilidade do tenista.

Entretanto, os tenistas terão a opção de alugar uma casa no entorno da sede da competição. A única restrição é que o imóvel não pode ser em Manhattan. O custo do aluguel de casas é estimado em US$ 40 mil e ficaria a cargo dos jogadores interessados. A USTA apenas dará a assistência necessária para quem optar por esse tipo de hospedagem.

Exames para detectar Covid-19
Os primeiros exames para a detecção da Covid-19 serão feitos antes mesmo das viagens para os Estados Unidos. Já durante o torneio, os testes serão feitos nos hotéis. Cada jogador será testado entre uma e duas vezes por semana. A temperatura corporal será medida diariamente.

Se um jogador testar positivo para a doença ou apresentar sintomas, ficará isolado e terá que seguir o protocolo médico das autoridades locais de saúde.

A utilização de máscaras de proteção será obrigatória no complexo exceto durante treinos, jogos e preparação física. Protocolos de distanciamento social também serão aplicados no clube e no hotel.

Transporte e Alimentação
O traslado entre o hotel e a sede do torneio será feito em ônibus com 55 assentos, operando entre 25% e 50% da capacidade. Os motoristas ficarão isolados e protocolos de higiene dos veículos serão reforçados.

Os atletas terão acesso ao café da manhã, almoço e jantar. Eles também podem solicitar entregas de comida por aplicativos e frequentar restaurantes de fora do complexo de tênis.

Vestiários e academias
Os vestiários e academias serão constantemente monitorados e higienizados. Será permitido tomar banho no complexo desde que os protocolos de distanciamento sejam respeitados. Além disso, a organização do torneio deixará mais áreas externas do complexo à disposição para treinos físicos.

Comentários
Loja - camisetas
Arena BTG