Notícias | Dia a dia
Patrick McEnroe minimiza opiniões de Nadal e Djoko
15/06/2020 às 10h49

Nova York (EUA) - Dois dos principais nomes da atualidade no tênis mundial, o sérvio Novak Djokovic e o espanhol Rafael Nadal contestaram, cada um de sua forma, a realização do US Open na atual temporada. Enquanto o número 1 do mundo não gostou das normas de segurança propostas pela organização do torneio, o canhoto de Mallorca se mostrou reticente em viajar para Nova York.

Apesar da importância que as duas opiniões têm no circuito, para o norte-americano Patrick McEnroe elas devem ser colocadas em perspectiva. “Não podemos ser guiados pelo que Nadal e Djokovic dizem porque são ricos e suas opiniões são distorcidas", disse campeão de Roland Garros nas duplas em 1989 para o Tennis.com.

O irmão de John McEnroe acredita que o US Open possa ser realizado sem problemas se forem aplicadas as normas de segurança. O ex-tenista profissional de 53 anos sabe bem o perigo que é o coronavírus, uma vez que revelou o diagnóstico positivo para a doença em 31 de março, cumprindo isolamento social e se recuperando depois.

Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva