Notícias | Dia a dia
Allaster é a primeira mulher a dirigir o US Open
10/06/2020 às 20h41

Stacey Allaster já foi CEO da WTA e atualmente trabalha para a USTA

Foto: Arquivo

Nova York (EUA) - A canadense Stacey Allaster, ex-dirigente da WTA, é a nova diretora do torneio no US Open, a primeira mulher a ocupar esse cargo no Grand Slam americano. Allaster trabalha desde 2016 na USTA, a Associação de Tênis dos EUA, pressionando por mudanças como a introdução de cronômetro de saque e de aquecimento, além de trabalhar para que fosse permitida a orientação do técnico durante as partidas.

Ela permanecerá como diretora executiva de tênis profissional da USTA, informou a associação na quarta-feira. Este é um momento crucial para o grupo que supervisiona o tênis nos Estados Unidos. A USTA anunciou na última segunda-feira que havia eliminado 110 postos de trabalho de sua equipe nacional e deve decidir, na próxima semana, se vai realizar o US Open em meio à pandemia do coronavírus. O início da chave principal do US Open está programado para 31 de agosto.

Allaster, que também mantém seu cargo na USTA, está substituindo David Brewer, que ingressou na USTA em 1997 e se tornou o diretor do Open em 2012. A entidade disse no ano passado que o antigo diretor do torneio deixaria a função após a edição de 2019.

Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva