Notícias | Dia a dia
Rusedski: 'Seria muito bom o tênis voltar no US Open'
28/05/2020 às 11h06

Londres (Inglaterra) - Enquanto alguns se mostram bastante reticentes sobre o retorno do circuito em 2020, o britânico Greg Rusedski acredita que as competições possam retornar ainda neste ano e vê no US Open a possibilidade de uma retomada triunfal do tênis. Em entrevista ao Tennis 365, ele disse que gostaria de ver o torneio acontecer mesmo que seja com portas fechadas.

“Precisamos encontrar um caminho para o US Open este ano, com ou sem espectadores. Desde que possamos garantir a segurança de todos os tenistas e pessoas envolvidas, tudo o que puderem jogar neste ano será muito bom”, disse o vice-campeão do Grand Slam norte-americano em 1997, que vê a situação melhorando com o passar dos dias em Nova York.

O britânico acredita que é possível realizar o torneio de forma segura. “Flushing Meadows é enorme e o fato de não haver espectadores resolveria o problema do distanciamento social. Acho que existe espaço suficiente para todos e as chances de contágio seriam muito baixas. Além disso, até a altura da competição a situação deve estar ainda melhor”, opinou o ex-top 5.

“Penso nos milhões de fãs ao redor do mundo que estão ansiosos pelo retorno do tênis o mais rápido possível. Se fosse jogar o US Open, seria uma oportunidade única de levar o tênis ao maior público de televisão possível. Seria incrível e algo histórico, pois seria lembrado como o torneio que marcou o retorno após a pandemia do coronavírus”, finalizou Rusedski.

Comentários
Loja - livros
Suzana Silva