Notícias | Dia a dia
Roger não precisa se preocupar com treino, diz Luthi
27/05/2020 às 09h27

Zurique (Suíça) - Na semana passada, o suíço Roger Federer surpreendeu alguns ao dizer que não estava treinando durante a paralisação do circuito causada pela pandemia do coronavírus. Contudo, para o seu treinador Severin Luthi, o tenista de 38 anos não precisa se preocupar com os treinos neste momento, já que vê tempo suficiente para que ele possa recuperar a forma depois.

"Tentamos manter contato e ver se há alguma novidade. Acho que ele não precisa se preocupar demais em bater bolas. Talvez vocês o vejam nas redes sociais batendo bolas contra a parede, mas isso é mais para movimentar seu desafio, faz por diversão. Ele não precisa treinar sozinho", disse Luthi em entrevista ao Tennis Channel.

O treinador suíço, que também é o capitão de seu país na Copa Davis, lembrou ainda que Federer está em um momento diferente da maioria, se recuperando de uma artroscopia. “Ele está retornando de uma cirurgia no joelho. No momento, não há estresse por sentir a pressão de ter que treinar duro. Acho que se os torneios recomeçarem, haverá tempo suficiente”.

No momento, o circuito está suspenso até o dia 31 de julho. Tudo começou com o cancelamento de Indian Wells às vésperas do torneio e desde então a paralisação foi só aumentando, pegou toda a temporada europeia de saibro, a curta temporada de grama e já prejudicou o começo dos torneios preparatórios para o US Open, que segue com sua realização em xeque.

Comentários
Loja - livros
Suzana Silva