Notícias | Dia a dia
Thiem se defende e diz que não ouviram toda sua fala
19/05/2020 às 12h57

Viena (Áustria) - Muito criticado depois de afirmar ser contrário à ajuda propostas a jogadores de baixo ranking, o austríaco Dominic Thiem se defendeu das acusações em entrevista ao jornal francês L'Équipe e argumentou que foi mal interpretado. Contudo, ele reforçou sua posição de não achar que todos os jogadores são merecedores da ajuda.

"Não vejo por que dar dinheiro a tenistas de baixo escalão, sendo que muitos não são profissionais", afirmou o atual número 3 do mundo. “Eu não disse que não iria ajudar ninguém, apenas acho que existem pessoas e organizações que precisam de mais ajuda do que tenistas. Mas há jogadores que merecem receber apoio e que dão o seu melhor”, acrescentou o austríaco.

“Se você começa a jogar tênis e treinar durante a infância, já terá uma situação mais privilegiada. Quero escolher a quem ajudo e não ser forçado a quem devo dar meu dinheiro. Eu já ajudo jovens jogadores na Áustria, mas não falo sobre isso para divulgar minha imagem, faço isso porque eles merecem e porque eu quero”, complementou Thiem.

O atual vice-campeão do Australian Open também comentou o vídeo publicado pela tenista argelina Ines Ibbou, que pediu mais respeito de Thiem por seu sacrifício. “Não vi tudo, mas vi o que disse. A verdade é que ninguém leu toda a entrevista que dei. As pessoas leram apenas as manchetes, foi muito injusto. Isso não teria acontecido se as pessoas tivessem lido tudo”, finalizou.

Comentários
Loja - livros
Suzana Silva