Notícias | Dia a dia
Escocesa elogia motivação de Federer mesmo aos 38
10/05/2020 às 14h03

Glasgow (Escócia) - Depois de Stan Wawrinka elogiar a longevidade do compatriota Roger Federer e dizer se motivar no colega, foi a vez do suíço mostrar que inspira gente de fora do tênis. Em entrevista para a BBC Sport Scotland, a jogadora de futebol Jen Beattie contou que a motivação do atual número 4 do mundo é algo incrível.

A escocesa jogadora do Arsenal destacou a coragem de Federer em passar por uma artroscopia no joelho depois do Australian Open deste ano, quando foi superado pelo sérvio Novak Djokovic nas semifinais. “Poucas pessoas fariam algo assim com o fim da carreira cada vez mais próximo”, comentou Beattie.

“Acho que é natural que muitos atletas vão esmorecendo conforme o tempo passa, mas Roger continua jogando em um nível inacreditável. Ter 38 anos e ainda operar, isso é um testemunho de que ele está motivado”, acrescentou a jogadora escocesa.

Federer encarou problemas no joelho em sua reta final no Australian Open, venceu o norte-americano Tennys Sandgren nas quartas de final, mostrando certa limitação e depois não foi páreo para Djokovic na semi. Em fevereiro ele resolveu operar o joelho direito e iria voltar na temporada de grama, mas agora seu retorno só acontecerá junto com o do circuito.

Comentários
Loja - livros
Suzana Silva