Notícias | Dia a dia
Todd Martin: 'Federer é forte candidato no US Open'
09/05/2020 às 12h52

Nova York (EUA) - Embora ainda exista muita dúvida sobre a disputa do US Open deste ano, por causa do coronavírus, o norte-americano Todd Martin acredita que se a competição acontecer, Roger Federer vai ser um dos principais candidatos ao título. Em entrevista ao Tennis 365, ele falou sobre as chances e a reta final da carreira do suíço.

“Estou certo de que Federer está pensando seriamente no US Open. Ele gostaria de voltar desta quarentena e ganhar um título importante. Eu o vejo capaz de bater na bola como nos seus melhores momentos e acredito que ainda tenha lenha para queimar”, analisou o vice-campeão do US Open em 1999 e do Australian Open em 1994.

“Não conheço nenhum tenista que seja tecnicamente tão correto como ele é com seu backhand. Eu já o vi acertar com esse golpe de três maneiras diferentes e em todas elas faz isso com uma tremenda precisão. Se o torneio fosse realizado em Indian Wells, suas chances de vitória ficam ainda maiores”, complementou o norte-americano.

Martin acredita que a disputa da Laver Cup em 2019 foi como a grande despedida de Federer do público suíço, mas ainda aposta que ele seguirá jogando pelo menos até o fim de 2021." Roger poderia ter tomado a decisão de se aposentar em 2020, com a disputa do que seriam seus últimos Jogos Olímpicos”, disse.

“Com o adiamento do torneio, imagino que isso o forçará a adiar sua aposentadoria. Não faria sentido algum ele se aposentar do tênis dessa maneira. Tenho certeza de que Roger quer encerrar sua carreira em grande estilo. Não ficaria surpreso em vê-lo algumas vezes, mais anos em um bom nível no circuito”, finalizou Martin

Comentários
Loja - livros
Calhau