Notícias | Dia a dia
Moyá vê Djokovic o mais prejudicado por paralisação
30/04/2020 às 09h18

Madri (Espanha) - Treinador do espanhol Rafael Nadal, o compatriota Carlos Moyá não falou apenas sobre o pupilo para o podcast Subidos A La Red, elogiando bastante a capacidade do atual número 2 do mundo de escutar os outros. Ele também analisou a pausa no circuito e destacou que o sérvio Novak Djokovic pode ser o mais prejudicado por ela.

“Neste exato momento não dá para saber quem serão os mais afetados, é um mistério. Alguns serão muito prejudicados, outros nem tanto e alguns pouco. Se você é mais velho, tem menos tempo para disputar torneios, uma vez que o tempo que passa não volta. O jovem de 19, 20 anos terá mais tempo para se recuperar”, comentou o espanhol.

O técnico de Nadal acredita que o atual número 1 do mundo possa ser aquele que se deu pior com a paralisação, tudo por conta da boa fase que vivia. “A priori, Djokovic foi o mais prejudicado, por estar em uma série vitoriosa, mas o fato de não jogar a temporada de saibro também prejudicou Rafa”, analisou.

“Dos três primeiros, acho que o menos afetado é Federer; o momento da operação acabou sendo perfeito. Ele voltará fresco como uma rosa e, em condições normais, acho que chegaria bem para Wimbledon. Mas tudo isso é especulação, é uma situação que nunca foi vivida antes”, complementou o ex-líder do ranking.

Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva