Notícias | Dia a dia
Vilas​ sofre com alzheimer e recebe apoio de Maradona
25/04/2020 às 09h32

Lenda do tênis argentino, Vilas reside atualmente em Mônaco com a família

Foto: Reprodução/Twitter

Buenos Aires (Argentina) - Lenda do tênis argentino e vencedor de quatro Grand Slam, Guillermo Vilas vive um momento muito delicado. O diário Olé divulgou na última quarta-feira que Vilas foi diagnosticado com alzheimer e colheu depoimentos de pessoas que conviveram com o ex-número 2 do mundo, além de recuperar situações recentes que reforçam indícios do drama vivido por ele, atualmente com 67 anos.

Um dos que aceitaram falar publicamente foi seu antigo parceiro de duplas Tito Vázquez. "Fisicamente, não é perceptível, mas ele está muito deteriorado. Sua saúde mental está piorando. Ele tem alguns momentos lúcidos, mas não tem plena consciência do que está acontecendo ao seu redor, chegou a não reconhecer amigos. Você tem momentos em que não consegue acompanhar a conversa", afirmou.

A reportagem do Olé citou o caso de uma entrevista dada em 2015 para um programa de TV, quando Vilas não conseguia se lembrar do nome de uma das três filhas. Também há um relato anônimo de um jogo beneficente em que ele não reconheceu um ex-companheiro de Copa Davis e tinha dificuldade até para se lembrar de lado da quadra deveria sacar, embora demonstrasse ainda muita habilidade para bater na bola.

Vilas atualmente vive em Mônaco com sua esposa, Phian, as três filhas Andanin, Lalindao e Intila, além do filho mais novo Guillermo Jr. A família tem tentado fazer com que ele consiga manter a rotina. O jornal argentino destacou que, embora ele já tivesse com os sintomas há alguns anos, a doença se manifestou de forma mais clara recentemente. Na reportagem também foi citado que Vilas não tem sequer autorização para vender a própria casa, já que foi proibido assinar documentos.

A história de Vilas sensibilizou o ídolo do futebol argentino Diego Maradona, que se manifestou por meio das redes sociais. "Caro Willy, tivemos muitas alegrias e emoções por sua causa. Espero que você sempre receba o respeito e a dignidade que todos merecemos, nos bons e especialmente maus momentos. Um grande abraço, lenda".

No entanto, outros veículos argentinos não gostaram da abordagem feita pelo Olé. O jornalista Guillermo Salatino comentou à Rádio La Red que já sabia sobre o estado de saúde de Vilas, mas preferiu não publicar a informação por se tratar de algo muito pessoal. "Sabemos há alguns anos que Guillermo está mal. Nessas situações, eu prefiro ser um amigo do que um bom jornalista. Quando você descobre as coisas de cunho pessoal, isso não conta", disse o jornalista.

 
 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por Diego Maradona (@maradona) em

Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva