Notícias | Dia a dia
Canadá cancela torneios e Masters corre risco
24/04/2020 às 19h18

Masters 1000 de Toronto segue no calendário, mas ATP irá se decidir em junho

Foto: Divulgação

Winnipeg (Canadá) - Duas semanas depois de o WTA Premier de Montréal ser cancelado, outros três torneios importantes que aconteceriam no Canadá também foram retirados do calendário do tênis mundial por conta da pandemia da Covid-19. Estão desmarcados os challengers de Winnipeg e Vancouver, além de um ITF feminino de US$ 25 mil em Saskatoon.

Os torneios de Winnipeg e Saskatoon aconteceriam entre os dias 13 e 20 de julho, logo na primeira semana em que estaria autorizada a volta do circuito profissional. Já o torneio de Vancouver, que também recebe um ITF de US$ 100 mil para as mulheres, seria apenas entre os dias 16 e 23 de agosto.

"Certamente entendemos as decisões tomadas por esses três comitês organizadores que precisam pensar na saúde e segurança dos torcedores, jogadores, voluntários e parceiros. Com os torneios se aproximando, eles precisavam tomar uma decisão", afirmou Gavin Ziv, vice-presidente de eventos profissionais da Tennis Canada.

"A organização de um torneio internacional dessa escala exige muito trabalho e também incorre em uma série de despesas importantes. Conhecendo sua paixão por seus respectivos torneios, sabemos que esses três comitês organizadores já estão pensando na edição de 2021", acrescentou o dirigente.

Outros três torneios já foram cancelados
Na esteira do cancelamento do Premier de Montréal, que estava marcado para acontecer entre os dias 10 e 16 de agosto, a federação de tênis do país também desmarcou o challenger de Granby (entre 20 e 26 de julho) e Campeonato Nacional Juvenil (que aconteceria entre 30 de agosto a 5 de setembro). Essas decisões foram amparadas pela determinação da província de Quebec, que proibiu a realização de eventos esportivos na região até 31 de agosto.

Apesar dos vários cancelamentos de torneios pelo país, o Masters 1000 de Toronto ainda permanece no calendário da ATP. O evento aconteceria simultaneamente ao Premier de Montréal, a partir de 10 de agosto. A prefeitura de Toronto já cancelou todos os shows e eventos que possam reunir aglomerações até 30 de junho. É esperado para o dia 1º de junho que os representantes do torneio e da ATP definam se a competição será ou não realizada este ano.

Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva