Notícias | Dia a dia
Meligeni: 'Não podemos valorizar só os campeões'
10/04/2020 às 14h16

São Paulo (SP) - Depois de criticar a exibição apenas de partidas antigas de Gustavo Kuerten, defendendo que o Brasil teve outros grandes tenistas para também serem prestigiados, Fernando Meligeni voltou a se pronunciar através de um texto publicado no Linkedin, no qual ele reclama da cultura de valorização apenas dos grandes campeões.

“Quando uma pessoa diz que tendo o Guga não precisamos assistir Meligeni, Bellucci ou Saretta, ou diz que tendo Senna para que ver Rubinho, mostra a ignorância que precisamos combater. O nosso país não é do esporte, não é potência mundial e não tem estrutura. Não temos um plano, não sabemos onde se precisa investir ou qual é a fórmula para formar atletas”, disse Meligeni.

“Não tratamos os esportistas com respeito, mas os cobramos em todas as competições”, disparou o ex-tenista profissional, que lamentou certas considerações que viu depois de se posicionar criticando o Sportv, que estava passando apenas jogos antigos de Guga. “Ao invés de conseguir que as pessoas entrem em debate tive que ler coisas ridículas”, contou.

Meligeni garantiu não estar preocupado com as críticas que recebeu e tampouco com os elogios. “O que me entristece é perceber que não consigo mostrar o grande problema que temos no esporte do Brasil: a arrogância de achar que somos tão bons que só podemos assistir os campeões mundiais”, pontuou o dono de três títulos ATP.

Comentários
Loja - livros
Suzana Silva