Notícias | Dia a dia
Meligeni destaca 5 maiores vitórias de sua carreira
07/04/2020 às 15h30

São Paulo (SP) - Depois de começar uma série de reportagens especiais em que os principais tenistas brasileiros foram convidados a relembrar os cinco jogos que consideram mais marcantes em suas carreiras, com Larri Passos destacando as partidas de Guga, é a vez de Fernando Meligeni falar para TenisBrasil quais são seus duelos mais marcantes.

“Não sei, se me perguntarem de novo, se a ordem seria a mesma, mas foram esses os cinco jogos que me vieram à cabeça. Com certeza teve outros que posso ter deixado de fora”, brincou o tenista canhoto que chegou a ser 25 do mundo e teve uma das carreiras de maior sucesso no país, chegando a conquistar três títulos de simples na ATP.

Confira a lista de Meligeni:

1. Vitória sobre Pete Sampras em Roma (1999)

Já falei bastante sobre esse jogo. Foi ganhar do maior de todos os tempos da nossa época de uma maneira incrível, num Masters 1000, na quadra central, no jogo da noite. É tudo que um tenista sonha.

* Fernando Meligeni (BRA) v. Pete Sampras (EUA), 6/3 6/1 - segunda rodada

2. Ouro no Pan de Santo Domingo (2003)

Pela importância e por ele ter se transformado em tão grande para mim. Um Pan-americano pode não ter tanta importância, mas era o último jogo da minha carreira e teve tudo aquilo que todo mundo já sabe: nunca havia vencido o Ríos antes, a maneira como eu ganhei, o quão dramático foi o jogo e tudo que ele rendeu para mim depois.

* Fernando Meligeni (BRA) v. Marcelo Ríos (CHI), 5/7 7/6(6) 7/6(5) - final

3- Vitória sobre Mark Philippoussis nas Olimpíadas de Atlanta (1996)

Quando a gente fala em melhores jogos acho que são aqueles em que fui bem, então eu coloco a vitória sobre o Philipousis na quadra rápida nas Olimpíadas. Era uma partida meio impossível de ganhar. Lembro que o Filippini, um uruguaio amigo meu do circuito, perguntou para mim, logo que voltei para a vila olímpica, como tinha sido o jogo com o Mark. Respondi que ganhei e ele retrucou: quantos games você ganhou? Era justamente isso que todo mundo achava, que eu ia tomar um pau por ser quadra rápida e ele sacar para caramba. Mas eu ganhei, foi impressionante.

* Fernando Meligeni (BRA) v. Mark Philippoussis (AUS), 7/6(7) 4/6 8/6 - terceira rodada

4- Vitória sobre Andy Roddick em Washington (2002)

Ele vinha de um título, era uma das estrelas do momento, estava no top 10 e consegui vencê-lo na quadra rápida. Isso nunca é uma coisa fácil, principalmente para mim.

* Fernando Meligeni (BRA) v. Andy Roddick (EUA), 6/4 6/4 - terceira rodada

5- Vitória sobre Karol Kucera na Copa Davis (2000)

Era o quinto ponto do confronto na Davis contra a Eslováquia no Marapendi. Destaco esse jogo não apenas como importância, mas principalmente por nível de jogo. Estava muito nervoso no começo, jogo que valia demais e que cheguei estar perdendo por 1 a 0 com 5/3 para ele no segundo.

* Fernando Meligeni (BRA) v. Karol Kucera (ESL), 5/7 7/6(6) 6/2 6/4 - quinto jogo da série

Comentários
Loja - livros
Suzana Silva