Notícias | Dia a dia
Djokovic perdeu mais que Federer sem Wimbledon
07/04/2020 às 11h45

Londres (Inglaterra) - Enquanto muitos afirmam que o suíço Roger Federer foi um dos maiores prejudicados com o cancelamento de Wimbledon, o treinador francês Thierry Ascione acredita que na verdade quem se deu mal mesmo foi o sérvio Novak Djokovic. O atual campeão do torneio bateu o tenista da Basileia em uma incrível final no ano passado.

“Acho que Djokovic estava pronto para vencer mais dois Grand Slams neste ano", disse Ascione ao Express. “Nadal é novamente o favorito para Roland Garros e acho que quem se beneficia mais sem os Slam é justamente Federer”, complementou o francês.

Para ele, é o suíço que se dá melhor com a ausência dos Slam, uma vez que é o recordista entre os homens com 20 títulos e sem os torneios tem mais chances de não ver seus rivais encostarem nele nessa disputa. “É importante para eles jogarem estes torneios, principalmente Roland Garros para Rafa e o US Open para Djokovic”, opinou o treinador, que lamentou a paralisação do tênis.

"Há consequências para todos: jogadores que estão fazendo história e jogadores que só precisam disso para comer alguma coisa. Para o tênis é terrível ter o circuito completamente interrompido. É claro que existem coisas muito mais importantes que o tênis, mas é difícil. Talvez não joguemos até dezembro”, finalizou Ascione.

Comentários
Loja - livros
Suzana Silva