Notícias | Dia a dia
Italiano defende RG contra a Laver Cup de Federer
02/04/2020 às 08h54

Roma (Itália) - Embora seja um grande entusiasta do suíço Roger Federer, inclusive o colocando como o melhor da história, o italiano Adriano Panatta cutucou o atual número 4 do mundo por causa de sua competição, a Laver Cup. Para o campeão de Roland Garros em 1976, a disputa do torneio de Federer com o Grand Slam francês não faz sentido algum e está errada.

Em entrevista ao La Stampa, a lenda do tênis italiano defendeu a mudança de data do Grand Slam francês para o final de setembro e começo de outubro, mesmo batendo com a disputa da Laver Cup, que coincidiria com o torneio parisiense em sua segunda semana.

+ Lenda italiana pede mais Federer e menos Nadal
+ Panatta: 'Federer venceria 30 ou 40 Slam sem Nadal'

“Para mim, colocá-lo no final de setembro foi uma decisão sábia. É verdade que passar do cimento para o saibro em tão pouco tempo é um certo problema para os tenistas e por isso talvez eu até colocasse o torneio uma semana mais para frente”, opinou Panatta

“Gosto de Federer, mas ele fez um negócio sozinho e precisa entender que não podemos ficar atrás dele. As instituições precisam cuidar dos torneios com mais tradição, mesmo que isso incomode Federer. Roland Garros tem mais de 100 anos de história, isso é algo que poucos torneios podem dizer”, complementou o italiano.

Neste momento, Roland Garros está marcado para acontecer entre 20 de setembro e 4 de outubro, ao passo que a Laver Cup está agendada para os dias 25 a 27 de setembro de 2020 no TD Garden, em Boston, mas ainda não se sabe se irão de fato acontecer. Marcado entre os dias 1 e 11 de outubro, o Salão do Automóvel de Paris 2020 já não será realizado no formato conhecido.

Comentários
Loja - livros
Suzana Silva