Notícias | Dia a dia
'Djokovic pode superar Nadal e Federer', diz Roddick
29/03/2020 às 11h43

Nova York (EUA) - A interminável discussão sobre o maior de todos os tempos ganhou a opinião do norte-americano Andy Roddick, que em entrevista ao Tennis Channel falou ser impossível sacramentar no momento qual dos integrantes do Big 3 seria o chamado 'Goat', uma vez que o suíço Roger Federer, o espanhol Rafael Nadal e o sérvio Novak Djokovic ainda estão jogando.

Mesmo assim, o ex-número 1 do mundo cravou seu palpite momentâneo. “Neste momento, para mim, os maiores são Roger e Serena (Williams)”, disse Roddick, sempre reforçando que ainda precisa esperar Federer, Nadal e Djokovic pararem para poder ter uma definição precisa.

Veja também: Roddick faz top 10 com Big 3 e Serena, mas sem Court

“Se Novak de alguma forma chega ao ponto em que empata com Rafa e Roger no recorde de títulos de Grand Slam, então as conquistas de Masters 1000 e o retrospecto entre eles passa a ter um valor maior”, pontuou o norte-americano.

“O fato dele ter um retrospecto positivo contra quase todo mundo que o enfrentou mais de uma ou duas vezes, principalmente contra seus principais rivais, é algo incrível. O histórico positivo contra jogadores do calibre de Roger, Rafa e (Andy) Murray faz com que Novak tenha um currículo contra o qual seja difícil de se argumentar”, complementou.

Comentários
Loja - livros
Suzana Silva